Visitantes profissionais do setor já podem se credenciar, garantindo lugar na terceira edição da IoT Latin America, que acontecerá em São Paulo de 29 a 30 de agosto.

A IoTLatin América, feira internacional da Internet das Coisas, mostrará, entre os dias 29 e30 de agosto, no Transamerica Expo Center, como cada vez mais a internet está presente no nosso dia a dia, em praticamente todos os tipos de negócios e empresas, com apresentação de debates sobre o que impactará a IoT (Internet of Things) nos próximos anos. A feira é o mais importante evento B2B exclusivamente voltado ao setor e com foco na geração de negócios na América Latina e terá, simultaneamente, a realização do3° Congresso Brasileiro e Latino- Americano de Internet das Coisas (IoT), organizado pelo Fórum Brasileiro de Internet das Coisas. Além da exposição, a IoT Latin America apresentará ainda discussões sobre casos abrangendo todo o ecossistema de Internet das Coisas em diversas verticais. Confira a programação do Congresso neste link (http://iotbrasil.org.br/congresso/program.php).

A IoT (Internet of Things ou Internet das Coisas) promete ser a resposta para executar tarefas do cotidiano de maneira mais fácil e em menor tempo. O conceito IoT diz respeito a toda infraestrutura tecnológica conectada à internet. A IoT já é considerada a mais promissora plataforma de tecnologia do mundo e deve movimentar US$ 19 trilhões até a próxima década, segundo previsões da Cisco, líder mundial em TI e redes. Deste montante, a América Latina será responsável por US$ 860 bilhões, sendo o Brasil o detentor de US$ 352 bi.

De acordo com Giulio Rossi, CEO da BMComm, a edição 2018 da feira da internet das coisas já entra para a história como um dos mais importantes eventos do setor no mundo, por reunir grandes empresas, que representam mercados em franco crescimento, e por reunir os maiores especialistas na área. “Não só traremos produtos para mostrar, mas teremos muito conteúdo no Multipalco de Verticais e no Congresso, e não temos dúvida de que tudo isso resultará em muitos negócios e colocará o Brasil no centro das discussões sobre o assunto durante a realização da feira. A IoT Latin America já é uma referência para o setor e este ano teremos muito para mostrar, debater e também comemorar os bons negócios”, frisa.

Veja o que dizem expositores e palestrantes sobre a IoT Latin America:

George Wootton, diretor técnico da Aureside (Associação Brasileira de Automação Residencial e Predial). “A IoT Latin America tem sido um evento importante para divulgação de assuntos relacionados aos provedores e desenvolvedores de IoT no Brasil. Agora, com a definição do Plano Nacional de IoT, vejo neste evento uma ótima oportunidade para se integrar aos esforços mais ‘governamentais´ e colaborar com o desenvolvimento das infraestruturas e também do mercado de uso/consumo”.

Rüdiger Leutz, diretor geral da Porsche Consulting Brasil. “Como muitas empresas possuem atuação global, percebemos um movimento grande em pesquisa e desenvolvimento/fomento à inovação de maneira “top-down”, ou seja, quando a matriz implementa algo as subsidiárias replicam esse movimento internamente. Nós acreditamos que as empresas brasileiras podem sim estar à frente desta ação e propor novas formas de agir, criando e inovando de maneira consistente e, por isso, acreditamos que a feira e o congresso continuem para que a discussão seja feita por decisores brasileiros e que podemos antever movimentos e tendências. Nada melhor do que um espaço para compartilhar expertise, conhecimento, soluções e plataformas (hardware e software)”.

 

Ricardo Adullis – diretor da SmartCore – fornecedora de chips e módulos para comunicação wireless, biometria, conectividade, rastreamento e automação. “Estamos ainda vivendo um momento de “febre” sobre o IoT, com várias ideias surgindo, algumas que trarão efetivamente benefício ao usuário e outras que serão identificadas como supérfluas. Esperamos neste ano um movimento ainda maior no evento onde conseguiremos diferenciar visitantes em estágios diferentes de maturação do seu business plan e a SmartCore estará presente na IoT Latin America para uma discussão personalizada sobre os projetos, compartilhando nossa visão e potenciais soluções”.

Luís Leão – desenvolvedor de conteúdo da Udacity (Universidade do Vale do Silício) que ministrará a palestra “AndroidThings 1.0: o que você precisa saber ao criar um dispositivo conectado utilizando plataforma Android”. “Uma vez que a Udacity tem como missão democratizar a educação, acreditamos que é cada vez mais importante disseminar conhecimentos e conteúdos referentes ao tema Internet of Things. Isso porque a IoT tem ganhado alta relevância no mercado devido a seu imenso potencial e pode gerar soluções para as mais variadas verticais, como residencial, indústria, agronegócio e varejo. Nossa expectativa durante o IoT Latin America é colocar esse assunto em pauta, dando o devido destaque para sua aplicação prática e principais vantagens”.

Wagner Sanchez, especialista em Biohacking e diretor acadêmico da Fiap (Faculdade de Informática e Administração Pública). “Na IoT Latin America teremos a junção de fornecedores de tecnologias, especialistas em áreas de negócios e empresas que buscam criar valor a partir de soluções em IoT. A feira já é considerada o mais importante evento de geração de negócios B2B em IoT, com apresentação de diversas possibilidades de negócios para variadas verticais”.

Thiago Sakamoto – diretor comercial do Inova HC (Hospital das Clínicas). “Existem diversos projetos desenvolvidos dentro do HC que podem ser caracterizados como projetos em IoT, por isso é muito importante ter em mente que o desenvolvimento de IoT ainda ocorre de forma gradual. Ainda não se pode dizer que IoT afeta diretamente a relação médico-paciente, mas sem dúvida a relação Instituição-paciente já é afetada positivamente, num momento em que a aplicação de IoT ocorre em níveis administrativos e de infraestrutura. Para a IoT Latin America vamos levar a experiência vivenciada pelo HC no tema nos permite trazer exemplos de mecanismos de parcerias para desenvolvimento de projetos, bem como as problemáticas e as tecnologias mais adequadas.

Confira as presenças no Palco Verticais:

– O professor doutor em Engenharia Elétrica e Eletrônica, José Carlos de Souza Júnior, do Instituto Mauá de Tecnologia, fala sobre Smart Campus;

– O case da prefeitura de Barueri, será o tema da vertical Smart City;

– O pesquisador Yan Lopes, vai conduzir a vertical Transporte e Logística, com o tema “Impacto da IoT na Gestão Estratégica da Logística”;

– Alessandro Thomaz Jorge, da empresa Oliver Wyman, vai debater o tema “O impacto de IoT no setor do Varejo”;

– O professor de Tecnologia em Defesa Cibernética da Faculdade de Informática e Administração Paulista, Rafael da Silva, conduz a discussão “Home Security: Warning! Youcanbe in the BBB”;

– O professor doutor em Engenharia Biomédica, Wagner Sanchez, vai conduzir a vertical Saúde com o polêmico tema “Biohacking – Uma inevitável disrupção”;

– O desenvolvedor de conteúdo da Udacity, Luís Leão vai participar da vertical com o tema “AndroidThings – O que você precisa saber para criar um dispositivo conectado utilizando a plataforma Android”. 

3º Congresso Brasileiro e Latino-Americano de IoT

Realizado pelo Fórum Brasileiro de IoT, o Congresso terá painéis que englobarão tendências, inovações e desafios daIoT em modelos de negócios, políticas, desenvolvimento e pesquisa, aplicações e padrões, entre outros aspectos. Os seminários reunirão especialistas e pesquisadores nacionais e internacionais em debates que visam fomentar o desenvolvimento da IoT na América Latina.

Recent Posts